Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gaia Ciência

Gaia Ciência

Quem foi Amalia Hernández Navarro!

Amalia Hernandez nasceu a 19 de Setembro de 1917, vindo a tornar-se uma referência na dança.

Amalia Hernandez desde criança desenvolveu uma enorme paixão pela dança. Ela veio a tornar-se coreógrafa no Instituto Nacional de Belas Artes, onde ensinou dança moderna.

Posteriomente voltou-se para as danças tradicionais mexicanas. Hernandez foi autora de diversas combinações de danças tradicionais com outros movimentos coreografados vindo a ser uma das impulsionadoras de um estilo de dança totalmente novo conhecido como baile folclórico.

O pai era um homem de negócios ligado aos interesses político e militar e foi à mãe que Amalia foi buscar o interesse pelas artes, em especial a música e o canto. 

Amalia Hernánde

 

No ano de 1952, Amalia Hernandez fundou o Balé Folclórico do México. Começando com apenas oito dançarinos, a equipa cresceu para mais de trezentos em poucos anos. A empresa atuou na televisão pela primeira vez em 1954, e dado o enorme sucesso dessa transmissão televisiva passaram a atuar na TV semanalmente. Essa incrível ascensão permitiu que o grupo de Amalia viajasse para a América do Norte e até representasse o México nos Jogos Pan-Americanos em 1959.

 

Amalia Hernandez com 17 anos, foi para a Escola Nacional de Dança, dirigida por Nellie Campobello, com quem posteriormente se incompatibilizou.

 

O Balé Folclórico do México ainda atua atualmente. Desde a sua criação, o grupo dançou para mais de 22 milhões de pessoas. Hernandez continuou envolvida com a empresa até à sua morte em 2000, trabalhando ao lado das suas filhas e netas.

O Ballet Folclórico do México tornou-se famoso mundialmente ao representar o país nos Jogos Pan Americanos de 1959, em Illinois (EUA).

 

Desde 1960 que o Ballet Folclórico do México atua nas noites de domingo e quarta-feira no Palácio das Belas Artes, na cidade do México.

 

A google quis comemorar o aniversário 100 de Amalia Hernández Navarro com um doodle no dia de hoje.

Samuel Johnson, quem foi e porque a google lhe dedica um doodle!

Samuel Johnson foi um escritor e pensador inglês que ficou conhecido pelas suas notáveis contribuições à língua inglesa como poeta, ensaísta, moralista, biógrafo, crítico literário e lexicógrafo.

Samuel Johnson, também conhecido como Dr Johnson é homenageado no seu 308 aniversário pela google.

 

Samuel Johnson publicou o Johnson's: Um Dictionario da língua inglesa no ano 1755 após 9 anos de trabalho. Foi descrito como "uma das maiores realizações únicas da bolsa de estudos", e teve um enorme impacto no chamado inglês moderno. Com quase 18 centímetros de espessura! Johnson's foi o primeiro dicionário inglês a ser publicação do Oxford English Dictionary.

Samuel Johnson é considerado por muitos o "mais distinto homem de letras da história da Inglaterra", Johnson é a personagem da "mais reconhecida biografia do mundo da literatura", o trabalho Life of Samuel Johnson de James Boswell.

Samuel Johnson

 

Samuel Johnson era filho de um livreiro, acabou por ser obrigado a abandonar os estudos em Oxford por falta de recursos e passou a ganhar a vida como interprete e tradutor. Juntando algum dinheiro, fundou uma escola particular, mas fracassou nesse projecto.

 

Em 1737, acabou por ir para Londres com o seu aluno David Garrik, onde iniciou intensa atividade de crítico e jornalista. Em pouco tempo conquistou uma reputação que foi sempre em crescente.

A influência literária de Samuel Johnson teve uma evoluçao estrondosa, especialmente depois de criar no ano 1764 um clube literário com os  seus amigos Edward Gibbon, Joshua Reynolds, Oliver Goldsmith e Edmund Burke.

A esposa de Samuel Johnson faleceu em 1752 e, pouco depois, Francis Barber, ex-escravo da Jamaica, juntou-se à família de Johnson como servo. Ele morou com Johnson por mais de 30 anos, assim como a sua esposa e filhos, e veio a tornar-se o herdeiro de Johnson.

 

Em 1763, ele conheceu James Boswell, um jovem advogado escocês, cuja "Vida de Johnson" (publicada em 1791) fez muito para dar fama a Johnson. Em 1773, Johnson e Boswell fizeram uma turnê de 3 meses pelas Terras Altas da Escócia e as Hébridas. Ambos escreveram notas das suas viagens. Johnson passou um tempo considerável em Edimburgo na década de 1770. Fonte desta informação.

Samuel Johnson nasceu em Lichfield a 7 de Setembro de 1709 e faleceu em Londres a 13 de Dezembro de 1784. Hoje a google quis comemorar o seu aniversário com um doodle comemorativo.

Sir John Cornforth quem foi e porque a Google lhe dedicou um doodle

Sir John Cornforth foi uma personalidade muito prestigiada no seu tempo, ficou na história por diversos feitos que lhe são atribuídos e recebeu o Prémio Nobel da química.

Sir John Cornforth nasceu a 7 de setembro de 1917 na Austrália, porém veio a construir a sua carreira em Inglaterra. Uma particularidade a assinalar é que John Cornforth era surdo desde a adolescência, devido a otosclerose, mas isso não o impediu de conseguir atingir os seus objetivos de vida. Foi durante a infância que Sir John Cornforth começou a perder a audição e ficou completamente surdo cerca dos seus 20 anos de idade.

Isso tornou a sua vida muito mais díficil, ao ficar surdo era impossível para ele ouvir as palestras na Universidade de Sydney durante a sua formação.

A sua incapacidade auditiva não impediu Sir John Cornforth de se formar em química orgânica na Universidade de Sydney, onde conheceu aquela que veio a ser sua esposa Rita Harradence.

Sir John Cornforth

 

Em 1939, Sir John Cornforth e Rita Harradence ganharam bolsas de estudo para estudar em Oxford e casaram-se dois anos depois. Juntos, escreveram mais de 40 artigos científicos muito importantes.

Ambos foram para Oxford, onde vieram influenciar profundamente o estudo da penicilina durante a guerra. Sir John Cornforth recebeu o Nobel de Química no ano 1975, juntamente com Vladimir Prelog, que lhe foi atribuído divido ao trabalho que realizou na estereoquímica das reações de catálise das enzimas. Nesse estudo focaram-se nas enzimas que ativam as mudanças nos compostos orgânicos. As conclusões do estudo destes dois prestigiados quimicos vieram a abrirar portas para diversas descobertas, incluindo o desenvolvimento de farmacos que reduzem o colesterol.

Quanto John Cornforth recebeu uma parte do Prémio Nobel de Química, ao lado de Vladimir Prelog, no seu discurso de aceitação disse:

"Ao longo da minha carreira científica, minha a esposa tem sido a minha colaboradora mais constante. Sua habilidade experimental fez grandes contribuições para o trabalho; ela facilitou-me muito o trabalho e ajudou muito a superar as dificuldades de comunicação que me acompanham pela surdez; O seu incentivo e fortaleza foram o meu maior apoio."

 

Também em 1975, mudou-se para a Universidade de Sussex em Brighton como professor de investigação da Royal Society. Cornforth permaneceu lá como professor e foi ativo na pesquisa até bem perto da sua morte.

Sir John Cornforth chegou também a ser nomeado cavaleiro no ano 1977.

 

google quis homenagear Sir John Cornforth no seu aniversário 100º com um doodle muito apelativo, que pretende agradecer e não deixar esquecer esta pessoa importante na história da humanidade.

Eduard Khil quem foi e porque a google lhe dedica um doodle no seu aniversário

Eduard Khil é conhecido como o cantor do 'Trololó'. Ele tornou-se muito famoso na internet ao aparecer no vídeo conhecido como ‘Trololó’.

Eduard Khil nasceu a 4 de setembro de 1934 em Smolensk, Rússia. Eduard Anatolyevich Khil  é um cantor que teve muito sucesso nas décadas de 1960 e 1970, no período soviético, mas que cabaou por cair no ostracismo após o fim da URSS, Khil desapareceu lentamente do cenário cultural russo no final da década de 80. Contudo veio a virar sensação na internet no ano 2010, quando um vídeo com o cantor interpretando 'Eu estou feliz por finalmente regressar a casa' se tornou viral ao ser publicado no YouTube – foram mais de 2 milhões de visualizações em poucos dias.

 

Eduard Anatolyevich Khil morreu no dia 4 de Junho de 2012 num hospital de São Petersburgo, na Rússia.

Ele estava em estado crítico de saúde, após ter sofrido um derrame e entrado em coma. De acordo com a imprensa russa, ele havia sofrido danos cerebrais irreversíveis. A família de Khil chegou a procurar fundos para ajudar no tratamento do cantor.

Eduard Khil

 

A famosa música foi escrita pelo soviético Arkady Ostrovsky, e a letra original falava de um caubói do estado americano de Kentucky que passeava pelas pradarias enquando sua amada costurava meias para ele.

Contudo o tema, muito relacionado aos Estados Unidos, não agradou aos censores naqueles tempos de Guerra Fria. Então, para satisfazer à censura, Khil decidiu gravar uma versão vocalizada, que soava como "trololó". Na época, isso não chamou muito a atenção nem foi imitado -até o vídeo cair na Internet.

 

Após o sucesso na web, os fãs do cantor pediram que ele fizesse uma turnê mundial.

O barítono agradeceu, mas recusou o convite, brincando com o fato de a canção ter feito sucesso só mais de três décadas depois da gravação.

O presidente russo, Vladimir Putin, deu condolências à viúva e ao filho de Khil. Ele deve ser enterrado na própria cidade, no cemitério de Smolenkskoye.

Eduard Khil era barítono formado pelo Conservatório de Leningrado, antigo nome da atual São Petersburgo, e artista honorífico da União Soviética.

A google não quis deixar passar o seu aniversário sem comemorar a ocasião com um doodle em homenagem a Eduard Khil.

Eiko Ishioka, quem foi e porque é que a google lhe dedica um doodle no seu aniversário 79.

Eiko Ishioka é reconhecida a nível mundial como uma mulher que lutou por se destacar.

Eiko Ishioka ganhou um Óscar, um Grammy e duas indicações para o prémio Tony dando ênfase ao seu trabalho. Destacou-se no seu trabalho de forma singular, com anúncios impressos e capas de álbuns para figurinos do cinema, teatro ou dos Jogos Olímpicos, Eiko Ishioka tornou-se numa icônica designer de origem japonesa. Durante a sua vida fez um pouco de tudo, muitas vezes de forma absolutamente original.

 

Eiko Ishioka nasceu no ano 1938 em Tóquio e cresceu na mesma cidade, vindo a optar por uma carreira profissional de design gráfico num momento em que quase não existiam mulheres nessa indústria. Apesar de enfrentar imendos desafios, Ishioka ultrapassou diversas fronteiras sociais usando a sua veia artistica e o seu instinto de criatividade. Os seus primeiros trabalhos feitos com anúncios impressos já predominavam e já se destacavam traços daquilo que mais tarde vieram a definir o seu design de fantasia muito apreciado, nomeadamente o tom escuro ou negro, o surreal e consistentemente inesperado.

Eiko Ishioka

 

 

Eiko Ishioka veio a ganhar reconhecimento a nível mundial com os seus trabalhos que vieram a projetar figurinos para o filme vencedor de um Óscar Drácula, de Francis Ford Coppola, no ano 1992. Que veio a ser a capa ganhadora de um Grammy para o álbum Tutu de Miles Davis, e os jogos e figurinos do espetáculo da Broadway Madame Butterfly, que recebeu duas nomeações para prémios Tony. Outro feito a destacar desta artista, foi o fato de ter trabalhado em estreita colaboração com o diretor Tarsem Singh em vários dos seus filmes ao durante a sua carreira, incluindo a película Espelho, Espelho Meu de 2012.

quem foi Eiko Ishioka

 

No aniversário 79º de Eiko Ishioka é comemorado pela google com um doodle, destacando o magnifico trabalho desta artista durante a sua carreira.

Nao deixe de conhecer um pouco sobre quem foi Eiko Ishioka e sobre a forma notável como ela conseguiu destacar-se, apesar de na sua época as mulheres não terem nenhuma facilidade em sequer igualar os direitos dos homens no que respeita ao trabalho.