Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gaia Ciência

Gaia Ciência

Quem foi Hirotugu Akaike e porque a google dedica um doodle

Hirotugu Akaike foi um marco importante para a humanidade e sobretudo para a matemática, com o seu trabalho como estatístico japonês.

 

Hirotugu Akaike (Akaike Hirotsugu) nasceu a 5 de Novembro de 1927 e faleceu a 4 de Agosto de 2009. Porém ficará para sempre na história pelos seus feitos no campo da ciência e da matemática.

 

Hirotugu Akaike

 

Todas as pessoas que realizam alguma vez na sua vida uma análise estatística, certamente passam horas a pensar que variáveis ​​incluir e o impacto que cada variável tem sobre o resultado. Porém para garantir que o modelo seja mais preciso, alguém não deve medir os medidores?

 

Na década de 1950, um jovem cientista japonês chamado Hirotugu Akaike fez essa pergunta muito bsica mas importante. Após duas décadas de pesquisa sobre o assunto, durante a década de 1970, ele apresentou a resposta como uma equação simplificada, que ficou conhecida como Critério de Informação Akaike (AIC).

Com este critério denominado com sigla AIC, os analistas podem selecionar um modelo de um conjunto de opções, medindo o quão perto os resultados estão para a verdade (hipotética). O doutor Akaike, considerou a experiência como fundamental com respeito à criatividade.

 

No ano de 2006, Hirotugu Akaike foi condecorado com o Prémio Kyoto em virtude das suas contribuições para a ciência e mais concretamente para modelagem estatística.

 

No dia 5 de novembro, a Google dedica a Hirotugu Akaike um Doodle para assinalar o 90º aniversário do seu nascimento. Em agradecimento ao tributo dado à ciência.

Hirotugu Akaike

 

 

Saiba mais sobre o Critério de Informação de Akaike (AIC):

O Critério de Informação de Akaike (AIC) é definido como:

$$AIC_p=-2log(L_p)+2[(p+1)+1],$$ 

 

 

em que $ L_p $ é a função de máxima verossimilhança do modelo e p é o número de variáveis explicativas consideradas no modelo.

O Critério de Informação Bayesiano (BIC) é definido como 

$$BIC_p=-2log(L_p)+[(p+1)+1]log(n).$$ 

 

 

Tanto o AIC quanto o BIC aumentam conforme SQE aumenta. Além disso, ambos critérios penalizam modelos com muitas variáveis sendo que valores menores de AIC e BIC são preferíveis.

Como modelos com mais variáveis tendem a produzir menor SQE mas usam mais parâmetros, a melhor escolha é balancear o ajuste com a quantidade de variáveis.

 

Queremos também agradecer a Hirotugu Akaike pelo seu contributo para a ciência!

Quem foi S. Chandrasekhar e porque a Google dedica um doodle ao seu aniversário

É graças a S. Chandrasekhar ou Subrahmanyan Chandrasekhar que hoje todos conhecemos melhor as estrelas.

"Brilha, brilha, pequena estrela, como eu quero saber o que tu és." Podemos agradecer a S. Chandrasekhar pela sua enorme aportação à ciência.(1910-1995), porque agora nós sabemos! Dia 19 de outubro, a Google criou um doodle comemorativo para assinalar o 107º aniversário do nascimento do primeiro astrofísico a ganhar um Prémio Nobel de Física no ano 1983 em virtude da teoria sobre a evolução das estrelas por ele desenvolvida.

 

Considerada por muitos como sendo uma criança prodígio, S. Chandrasekhar publicou o seu primeiro artigo e desenvolveu a sua própria teoria sobre a evolução das estrelas antes de atingir os 20 anos de idade.

 

S. Chandrasekhar

 

Em suma: Aos 34 anos, S. Chandrasekhar tornou-se membro da Real Sociedade de Londres e, mais tarde veio a tornar-se um distinto professor da área da física. As honras do físico indiano-americano são astronómicas, incluindo a Medalha Nacional de Ciências, a Medalha Henry Draper da Academia Nacional de Ciências dos EUA e a medalha de ouro da Real Sociedade Astronómica. Embora originalmente S. Chandrasekhar tenha encontrado ceticismo na década de 1930, as suas teorias e equações fizeram com que ganhasse o Prémio Nobel de Física 50 anos depois.

 


Chandrasekhar chegou a trabalhar numa grande variedade de problemas físicos durante a sua vida, contribuindo de forma muito significativa para a compreensão contemporânea da estrutura estelar , "anãs brancas" , dinâmica estelar , processo estocástico , transferência radiativa , a teoria quântica do anião hidrogênio , estabilidade hidrodinâmica e hidromagnética , turbulência , equilíbrio e a estabilidade das figuras elipsoidais de equilíbrio, relatividade geral , teoria matemática dos buracos negros e a teoria das ondas gravitacionais que colidem.

 

Doodle comemorativo de hoje ilustra aquela que foi uma das contribuições mais importantes de S. Chandrasekhar para a compreensão humana das estrelas, assim como a sua evolução: o limite de Chandrasekhar. Esta teoria explica que quando a massa de uma determinada estrela é menor que 1,4 vezes a massa do Sol, ela acaba por entrar num estágio mais denso chamado "anã branca" quando termina a fusão nuclear no seu núcleo, isto é, quando a estrela morre. Quando esse limite de 1,4 é ultrapassado, uma anã branca pode continuar a cair e condensar, evoluindo para um buraco negro ou explodindo como uma supernova.



Na Universidade de CambridgeS. Chandrasekhar desenvolveu um modelo teórico explicando a estrutura das estrelas anãs brancas tendo em conta a variação relativística da massa com as velocidades dos elétrons que compõem sua matéria degenerada.

 

Suas investigações vieram a demonstrar que a massa de uma anã branca não podia exceder 1,44 vezes a do Sol - o limite de Chandrasekhar . Ele revisou os modelos de dinâmica estelar, delineados pela primeira vez por Jan Oort e outros, considerando os efeitos dos campos gravitacionais flutuantes dentro da Via Láctea em estrelas girando sobre o centro galáctico.

A sua solução para este complexo problema dinâmico envolveu um conjunto de vinte equações diferenciais parciais, descrevendo uma nova quantidade que ele chamou de " fricção dinâmica ", que tem o duplo efeito de desacelerar a estrela e ajudar a estabilizar cachos de estrelas.

 

Chandrasekhar estendeu esta análise ao meio interestelar, mostrando que as nuvens de gás galactico e poeira são distribuídas de forma muito desigual.
Chandrasekhar estudou no Presidency College, Madras e na Universidade de Cambridge. Ele passou a maior parte de sua carreira na Universidade de Chicago , passando algum tempo no seu Observatório Yerkes e atuando como editor do The Astrophysical Journal de 1952 a 1971.

 

S. Chandrasekhar deu o seu contributo à ciência na faculdade da Universidade de Chicago desde 1937 até sua morte em 1995 com 84 anos de idade.

 

s-chandrasekhars-107th-birthday

 

Sempre no dia 19 de Outubro temos o prazer de honrar o "homem-estrela" cujas teorias universais foram uma forte impulso no ramo da investigação espacial na atualidade e a astronomia moderna nas suas vastas e ambiciosas missões. Feliz aniversário, Chandra e Obrigado!

Celebrating the Studio for Electronic Music celebrando

Celebrating the Studio for Electronic Music, hoje é dia de celebração, estamos a sentir e a vibrar com a batida enquanto celebramos o 66º aniversário do Studio for Electronic Music.

É conhecido como sendo o primeiro estúdio de música moderna do mundo, o Studio for Electronic Music tornou-se um paraíso para músicos e produtores inovadores a nível mundial.

 

Studio for Electronic Music

 

Estamos a celebrar o 66º aniversário do Estúdio de Música Eletrónica WDR ou Studio for Electronic Music.

Foi neste estúdio que os sons sintetizados eletronicamente foram misturados para criar um gênero de música totalmente novo que muitos amaram e ainda continuam a ser apreciados 66 anos depois.

 

O Studio for Electronic Music foi estabelecido na instalação de radiodifusão da Alemanha Ocidental em Colônia, na Alemanha. O conceito de um estúdio para criar música eletrônica foi lançado pelos compositores Werner Meyer-EpplerRobert Beyer e Herbert Eimert, que há anos provocaram os requisitos técnicos do desafio.

 

A 18 de outubro de 1951, realizou-se uma reunião no Nordfelddeutscher Rundfunk, em conexão com um programa gravado no final da noite sobre a transmissão de música eletrónica na noite do mesmo dia. Informado através de um relatório sobre esta reunião, o Intendente (Gerente Geral) da estação de rádio, Hanns Hartmann, deu luz verde para o estabelecimento do estúdio. Desta forma, esta data pode ser considerada como o dia fundador do Studio for Electronic Music (Studio für elektronische Musik).

 

A sua história reflete o desenvolvimento da música eletrónica na segunda metade do século XX. Os artistas neste estúdio vieram a criara batidas verdadeiramente inovadoras, editando e misturando sons usando novos tipos de equipamentos e composição técnica.

 

Quando a viabilidade do projeto ainda estava em causa, uma peça demonstrativa era necessária com extrema urgência para mostrar o que poderia ser feito neste estúdio. Eimert e Beyer ainda não sentiam ter condições de produzir um exemplo real de música, e assim o técnico de estúdio Heinz Schütz reuniu o que está oficialmente documentado nos registros da NWDR Cologne como a primeira produção do estúdio (mesmo que o estúdio ainda não na verdade existem).

 

Foi intitulado Morgenröte (The Red of Dawn) que significa "o começo". Schütz nunca se considerou um compositor, e considera a atribuição a ele desta "peça", que "foi produzida com meios muito primitivos, que era tudo o que estava disponível para nós naqueles dias", como "puramente um acidente".

Após ficar concluído NWDR Funkhaus (Broadcasting Center) foi inaugurado em 1952, o Electronic Studio foi inicialmente dividido em quarteirão na anteprodução do Studio 2 de produção da câmara de música, com instalações adicionais no Sound Studio 2.

 

Os compositores e produtores chegaram de muito longe, já que o estúdio veio a tornar-se uma incubadora para a inovação musical naquela época. Até meados do ano 2000, o estúdio original continuou a impulsionar a música eletrónica e a elavar todos os seus limites com o desenvolvimento de novos sons e idéias.

 

Quando Herbert Eimert se aposentou em 1962, a organização do estúdio foi reestruturada. Foi reatribuído à divisão de música do WDR, com a intenção de impedir o isolamento do técnico do musical. Eimert foi oficialmente sucedido como diretor do estúdio por Karlheinz Stockhausen em 1963, e três anos depois, com a insistência de Karl O. Koch, chefe do Departamento de Música do WDR, a diretoria foi dividida em duas partes: artística e administrativa. O Dr. Otto Tomek, diretor do departamento de música nova do WDR, tornou-se coordenador entre o estúdio e a divisão de música.

 

Em 1997, Wolfgang Becker-Carstens se aposentou de seu cargo de diretor do novo departamento de música WDR e chefe administrativo do estúdio. Pouco depois, o gerente da WDR decidiu vender o prédio Annostraße. Ambos os eventos levantaram questões sobre o futuro da música eletrônica no WDR. Diante do possível fechamento, ou no melhor das deslocalizações do estúdio, York Höller renunciou à sua posição de diretor artístico em 1999.

 

O engenheiro de som, Volker Müller, que havia sido empregado pelo estúdio desde 1970, entretanto, reuniu o antigo analista dispositivos (que foram substituídos desde o final da década de 1980 com equipamentos digitais), em um pequeno museu que ilustra as técnicas históricas utilizadas no estúdio desde seus inícios.

 

Após a venda do prédio e no contexto das celebrações do cinquentenário da fundação do estúdio em 2001, o equipamento remanescente e o arquivo do estúdio foram transferidos provisoriamente para os bairros temporários no distrito Ossendorf do subúrbio de Colônia Ehrenfeld. Meio século depois da sua fundação, o estúdio foi fechado em 2000.

 

Em 2017, foi anunciado que um patrono anônimo havia comprado Burg Mödrath perto de Kerpen, o prédio em que Stockhausen havia nascido em 1928, e estava abrindo como um espaço de exposição para arte moderna, com o museu do WDR Studio para ser instalado no primeiro andar.

 

No dia de hoje, a google apresenta um doodle comemorativo do aniversário 66, criado pelo ilustrador Henning Wagenbreth, residente em Berlim. Este doodle serve para comemorar a ampla variedade de pensamentos, imaginação e criatividade que este estúdio ajudou a construir e transformou as possibilidades da música!

 

Quem foi Olaudah Equiano e porque a Google dedica um Doodle

Olaudah Equiano que também conhecido como Gustavus Vassa foi um escravo ibo capturado com apenas 11 anos por traficantes de escravos na Nigéria.

Foi um proeminente africano em Londres, um escravo libertado que apoiava o movimento britânico para acabar com o comércio de escravos. Ele disse ter nascido numa povoação que denominava como Essaka.

Um capitão da Marina Real foi o seu primeiro dono e quem lle deu o nome de Gustavus Vassa em honra ao rei sueco com o mesmo nome. Equiano conseguiu comprar a sua liberdade ajudado pelo capitão James Doran que lhe deu acessoria para o fazer e conquistar a liberdade e uma nova vida.

Olaudah Equiano

 

 

A sua autobiografia, publicada em 1789, ajudou à criação do Ato contra o Comércio de Escravos de 1807, que acabou com o comércio de escravos africanos para a Grã-Bretanha e suas colónias.

 

Em Londres, Equiano fazia parte dos Filhos de África, um grupo abolicionista formado por africanos proeminentes que viviam na Grã-Bretanha, e atuava entre os líderes do movimento de comércio anti-escravos na década de 1780.

 

Ele publicou sua autobiografia, A Interessante História de Vida de Olaudah Equiano (1789), que retratava os horrores da escravidão. A sua obra teve nove edições e foi importantíssima para a abolição da escravatura no Império Britânico.

Esse livro autobiográfico de Equiano serviu para que muita gente tivesse as primeiras notícias sobre o sufrimento dos escravos e poderem conscientemente sentir a vontade de apoiar a causa abolicionista. As críticas boas que recebeu faiam referência não só à dureza dos conteúdos, como também à qualidade da escrita, o estilo literário e a habilidade nas descrições feitas.

Olaudah Equiano livro

 

 

A fama que Olaudah Equiano obteve pelo seu livro serviu-lhe para poder pedir ao rei de Inglaterra o fim da escravatura, e ao mesmo tempo ajudou a desmitificar muitos dos mitos e prejurias sobre os povos africanos.

 

As receitas das vendas do livro permitiram que Olaudah vivesse de maneira desafogada e dedicar mais tempo a fazer campanha contra a escravatura, que era a grande causa dos seus irmão africanos. Chegou também a ser o líder da comunidade negra pobre de Londres, descendentes de escravos que lutavam por sobreviver económicamente.

 

Mesmo depois de se tornar um homem livre, Olaudah teve uma vida muito complicada, tinha sérias tendências suicidas, mas veio a tornar-se um cristão protestante e a encontrar a paz. Depois de se estabelecer em Londres, Equiano casou-se com uma inglesa chamada Susannah Cullen, em 1792, e juntos tiveram duas filhas. Ele morreu em 1797 na capital inglesa. Contudo ainda hoje o local exato da sua sepultura não é conhecido.

 

O falecimento de Olaudah Equiano foi noticia em jornais da Grã-Bretanha, assim como em alguns norte-americanos. As placas que comemoram a sua vida foram colocadas em edifícios onde ele morava em Londres. Desde o final do século XX, quando sua autobiografia foi publicada, ele tem sido cada vez mais estudado por uma série de estudiosos, incluindo muitos da sua provável pátria, a Nigéria.

aniversário Olaudah Equiano

 

 

Google não quis deixar passar esta data sem lhe didicar um doodle O dia 16 de outubro, que assinala o 272º aniversário do nascimento de Olaudah Equiano fica também marcado com um doodle comemorativo em homenagem a Equiano devido às suas corajosas ações em vida pela abolição da escravatura.

Quem foi Clare Hollingworth e porque a Google lhe faz uma homenagem

Clare Hollingworth foi uma prestigiada jornalista e autora de origem inglesa.

Clare Hollingworth é considerada ainda hoje a primeira correspondente de guerra a relatar o início da Segunda Guerra Mundial, descrito como "o exclusivo do século". Como jornalista do The Daily Telegraph em 1939, enquanto viajava da Polónia para a Alemanha, viu e relatou forças alemãs reunidas na fronteira polonesa; três dias depois, ela foi a primeira a informar o mundo sobre a invasão alemã da Polónia.

Clare Hollingworth

Somente uma semana após fazer parte do jornal The Telegraph, Clare mostrou ao mundo por que ela foi chamada de "a pioneira dos correspondentes de guerra". Aventurando-se sozinha pela fronteira Alemanha-Polónia, ela foi a primeira a documentar o início da Segunda Guerra Mundial, revelando um grande número de tropas alemãs que se preparavam para invadir a Polónia.

 

Hollingworth costumava dizer que ela era mais feliz quando percorria o mundo, viajando rapidamente e pronta para o perigo. Este espírito levou-a a ter muitos exclusivos, desde o trabalho com refugiados judeus na Polónia, passando pela cobertura das guerras civis grega e argelina, a ser a primeira pessoa a entrevistar Mohammed Reza Pahlavi, o xá do Irão.

 

Embora grande parte dos seus primeiros trabalhos não tenha sido oficialmente atribuídos a ela, a experiência de Hollingworth e o trajeto da sua carreira levaram-na a ganhar o Prémio Mulher Jornalista do Ano, o Prémio James Cameron para o Jornalismo e um prémio de realização de vida da instituição O Que os Jornais Dizem.

aniversário Clare Hollingworth

 

 

Clare Hollingworth foi testemunha de muitos horrores da guerra no Vietnã, Argélia, Oriente Médio, Índia e Paquistão, bem como a Revolução Cultural, na China. No entanto, é mais lembrada por ter dado o furo do início da Segunda Guerra Mundial, em 1939, quando estava havia apenas uma semana trabalhando no Daily Telegraph.

 

No dia 1 de setembro de 1939, Hollingworth telefonou para a embaixada britânica em Varsóvia para contar que a guerra havia começado, depois que o ruído dos aviões e tanques nazistas a despertaram em Katowice, uma cidade polonesa perto da fronteira com a Alemanha. Como não acreditaram nela, a veterana repórter disse que colocou o telefone do lado de fora da janela para que eles mesmos escutassem o som do avanço alemão.

 

Doodle de hoje vem assinalar o 106º aniversário de Clare Hollingworth. A Google resolveu prestar esta homenagem à jornalista inglesa devido aos seus importantes contributos na cobertura da Segunda Guerra Mundial.