Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Gaia Ciência

Gaia Ciência

Como proteger o seu colchão de ácaros

Em três meses, sob as condições corretas de calor e humidade, um novo colchão deverá estar quase tão infestado de ácaros como um que tenha sido usado durante anos. Uma estimativa sugeriu que cerca de 2 milhões de ácaros podem viver num colchão de casal.

 

Ácaros

 

A maioria dos ácaros vive nas camadas superiores do colchão e algumas pessoas aspiram-no na crença errada de que se estão a ver livres deles. De facto, estas pequeninas criaturas agarram-se ao tecido do colchão e, na melhor das hipóteses, conseguirá retirar apenas uma pequena porção dos ácaros através da aspiração.

 

Um tratamento mais eficaz é utilizar um químico para matar os ácaros (acaricida) no colchão e na roupa da cama. Todavia, os acaricidas não penetram suficientemente fundo para matar os ácaros que vivem dentro do colchão e, por isso, não são tão eficazes como quando usados nos tapetes. Além disso, necessitam de ser aplicados, pelo menos, de três em três meses.

 

O nitrogénio líquido, que congela os ácaros, a limpeza de vapor a seco e o tratamento de calor são outras abordagens. Contudo, todas elas são desnecessárias se utilizar capas antiácaros.