Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Gaia Ciência

Gaia Ciência

O apoio da família e dos amigos no plano de aprendizagem do seu filho

Alguns pais mantêm as dificuldades de aprendizagem dos seus filhos em segredo, o que pode, mesmo com as melhores intenções, parecer como se tivessem vergonha ou sentissem culpa. Sem saber, familiares e amigos podem não entender a deficiência ou pensar que o comportamento do seu filho é decorrente de preguiça ou hiperatividade. Mas quando estão cientes do que está acontecendo, eles podem apoiar o progresso do seu filho.

 

Pais e filho

 

Dentro da família, os irmãos podem sentir que o seu irmão ou irmã com deficiências de aprendizagem está a receber mais atenção, menos disciplina e tratamento preferencial. Mesmo que os seus outros filhos compreendam que a deficiência de aprendizagem cria desafios especiais, podem facilmente sentir ciúmes ou pensar que estão a ser negligenciados. Os pais podem ajudar a conter esses sentimentos, tranquilizando todos os seus filhos dizendo que eles também são amados, fornecendo ajuda com os trabalhos de casa e mesmo incluindo-os na rotina especial da criança com dificuldades de aprendizagem.

 

Mas muitas vezes, a parte mais difícil da educação é lembrar-se de cuidar de você mesma. É fácil ficar completamente absorvida com aquilo que o seu filho precisa, esquecendo as suas próprias necessidades. Mas se você não cuidar de si mesma, corre o risco de desenvolver problemas relacionados com o stress e a ansiedade.

 

É importante que você deia atenção às suas necessidades físicas e emocionais, para que esteja mais saudável e com mais energia para ajudar o seu filho. Você não será capaz de o ajudar se estiver stressada, exausta e emocionalmente esgotada. Quando você está calma e focada, por outro lado, é mais capaz de se conetar com o seu filho e ajudá-lo a ser calmo e focado também.

 

O seu cônjuge, amigos e membros da família podem ser companheiros de equipa úteis se você encontrar uma maneira de incluí-los no plano de aprendizagem do seu filho e aprender a pedir ajuda quando precisar deles.